Os 3 erros financeiros que as pessoas bem sucedidas não cometem

Erros financeiros “inocentes” podem somar e levar a uma grande quantidade de dívida, crédito ruim, taxas excessivas por uso do cheque especial, e a lista pode continuar aumentando. Todos nós tomamos decisões financeiras precárias em nossa vida em um momento ou outro, mas aqueles que percebem isso cedo e decidem começar a tomar decisões financeiras inteligentes têm uma chance melhor de ter sucesso financeiro. Separar um momento para criar alguns bons hábitos poderia ter um grande impacto em sua vida nos próximos anos.

Ao longo desses anos assessorando e conversando com pessoas bem sucedidas, pude perceder alguns comportamentos que eles possuem que não permitem que eles cometam os 3 erros financeiros que listei pra você:

#1 Viver acima de suas possibilidades

Eu e você sabemos que a nossa renda deve superar nosso padrão de vida (pelo menos na teoria). No entanto, muitos de nós decidimos morder mais do que podemos mastigar todos os meses. A chave é saber como fazer nosso orçamento e ter auto-controle. Existem alguns princípios básicos que permitem que você viva facilmente dentro das suas possibilidades. Uma delas é certificar-se de que seu aluguel (ou parcela do seu financimento) vale 1/3 ou menos da renda mensal – se você usa sua renda para pagar essa despesa. Isso deixa o excesso de fluxo de caixa para as contas e os investimentos que lhe trarão recursos extras no futuro. Outra coisa que você deve ter em mente é não gastar seu dinheiro em itens superficiais, que não têm qualquer retorno financeiro. Cada grande compra que for realizar, você deve se fazer este questionamento “qual é o meu ROI (retorno sobre o investimento) deste item que irei comprar.” Mudar sua mentalidade e desenvolver hábitos sólidos coloca você no caminho para o sucesso financeiro.

#2 Focar apenas em uma fonte de renda

As pessoas mais bem sucedidas têm vários fluxos de renda colocando dinheiro em seus bolsos, e que geralmente é mensal, às vezes é semanal, e se você está realmente no topo do seu jogo é diário. Vivemos em uma sociedade muito progressista hoje e há muitas maneiras de ganhar dinheiro. Por ter múltiplas fontes de renda você pode minimizar suas chances de quebrar, e aumentar suas chances de construir riqueza. Não se concentrar apenas no seu trabalho em tempo integral e pensar ok esta é a maneira que eu vou fazer dinheiro. Encontre o que é sua paixão, e descobra como você pode monetizá-la (fazer dinheiro com ela). Oportunidades são infinitas nos dias de hoje, especialmente com toda a tecnologia que temos a nossa disposição.

#3 Gastar dinheiro com tarifas bancárias e juros do cartão de crédito

As pessoas bem-sucedidas têm uma compreensão completa de sua situação bancária! Eles percebem que todas as pequenas taxas bancárias que uma pessoa pode acumular pode deixá-lo mais pobre! Esteja ciente (e conciente) das taxas de cheque especial e taxas mensais que o seu banco insiste em cobrar de você (mesmo com todos os produtos que você contrata achando que o seu gerente do banco está te ajudando). Conheça todos as pequenas tarifas que são debitadas de sua conta a cada mês, da menor até a mais alta. Essencialmente, conheça seu extrato bancário como a parte de trás de sua mão, e seja capaz de reconhecer todas as transações que aparecem lá. E por último, mas não menos importante, não entre no jogo do pagamento de juros sobre a sua dívida de cartão de crédito. Pague sua conta na íntegra e na data de vencimento todos os meses! Pessoas bem sucedidas fazem seu dinheiro trabalhar para elas e a todo momento estão pensando sobre o retorno desses investimentos.

Espero que essas dicas possa ter feito você refletir sobre suas atitudes com relação ao dinheiro.

Não deixe de deixar seu comentário abaixo dizendo qual dos erros você comete ou se você já está livre dessas armadilhas.

Até mais!